quarta-feira, 21 de setembro de 2011

HOMOFOBIA MATA, SIM!


Oi, gente,

quando dizemos que a homofobia é um perigo e um mal que ronda as famílias, não são poucas as pessoas que se levantam para falar que estamos querendo impor uma ditadura homossexual ou se valer do "privilégio gay". Bobagem! Colocar-se contra a homofobia não é dizer que todos devem ser homossexuais ou que o estilo de vida homossexual é o ideal (aliás, esse não é um discurso homossexual, muito pelo contrário). Quando alguém se levanta contra a homofobia, ele está dizendo que é contra a discriminação e, por consequência, é contra a violência praticada contra esse seguimento da sociedade (os LGBTs).

Geilsa, hétero vítima de homofobia!
Dois exemplos de como a homofobia é perigosa nos veio à luz essa semana. O primeiro caso é o da comissária de bordo Geilsa da Mota que foi agredida covardemente por dois jovens em Aracaju-SE. O motivo? Bem, os cretinos acharam que Geilsa era travesti. Como assim? Então, se ela fosse travesti, mereceria ser agredida? Que tipo de mente pensaria assim? Uma mente doente, claro. O segundo caso vem dos EUA: o jovem Jamey Rodemeyer, de apenas 14 anos, acabou se matando. Jamey era vítima de bullying homofóbico. Ele chegou a se manifestar várias vezes via Tumblr, falando das agressões que sofria na escola. Isso nos faz lembrar que recentemente, no Brasil, por força da bancada extremista, o kit anti-homofobia foi barrado nas escolas (veja o que nos espera, dona Dilma). E que Deus nos ajude...

Jamey, 14 anos, suicídio após bullying homofóbico
Também me espantou, o nível dos comentários que seguiram a esses dois casos nos sites em que foram postados. Eram tão grotescos e descabidos que davam a impressão de que as vítimas mereciam, ou de que os LGBTs procuraram ser assim tratados (vale lembrar que Geilsa, a moça de Aracaju não é gay). O que falta à humanidade é respeito às diferenças. As famílias devem ensinar a seus filhos que o respeito é o mais importante. Quem fecha os olhos para isso, pode ver o próprio filho engrossar a fila das próximas vítimas.

Luz e paz a todos...
@aharomavelino

Um comentário:

Pólux disse...

A homofobia mata e a impunidade remata!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...