quinta-feira, 13 de abril de 2017

SANTA CLARITA DIET


FICHA TÉCNICA:
Diretor: Victor Fresco
Elenco: Drew Barrymore, Timothy Olyphant, Liv Hewerson
Onde ver: Netflix 

SINOPSE:
Em Santa Clarita Diet, Sheila (Barrymore) e Joel (Olyphant) são marido e mulher, corretores de imóveis com vidas um pouco descontentes em Santa Clarita, no subúrbio de Los Angeles, com sua filha adolescente Abby (Liv Hewnson) - até que Sheila passa por uma mudança radical que leva suas vidas a um caminho de morte e destruição… Mas de um jeito bom. Depois de ter alguns problemas, Sheila acaba vomitando uma estranha bola vermelha e passa a comer apenas carne humana. Sempre apoiada pela família, Sheila embarca nessa nova jornada morta-viva, ficando cada dia mais linda e disposta com a nova dieta milagrosa.

OPINIÃO:
Santa Clarita Diet tinha tudo para ser uma ótima comédia de costumes, se não fosse um pequeno detalhe: não tem graça!

Com um elenco incrível, incluindo aí sua protagonista Drew Berrymore, a série da Netflix mirou em um alvo bem claro, porém não o acertou. A ideia era fazer uma sitcom meio sobrenatural (aliás, um ótimo plot), contando a história de uma dona de casa que, de repente, sofre uma mutação e vira uma canibal; misturando, assim, comédia e terror para divertir a audiência. A fórmula até teria dado certo se os responsáveis por executá-la não tivessem errado errado na mão aqui e ali. 

Um exemplo de que algo não deu certo nesse baião de dois é o ritmo arrastado do show. Embora siga a fórmula clássica das comédias de costume, com episódios curtos de menos de 30 minutos, Santa Clarita Diet parece não andar. Depois de uns 15 minutos assistindo ao seriado, a sensação que temos é de que já se passaram horas tamanha é a lentidão da narrativa. 

Santa Clarita não tem ritmo, as piadas não funcionam e os personagens não têm carisma. Se a intenção da audiência é rir, há opções melhores na própria Netflix: Um Dia Como Outro Qualquer ou Grace e Frankie, por exemplo. Quanto à falta de tempero no show de Drew, fico com um ditado da minha avó, quando queria dizer que as coisas deram muito errado: "o bolo desandou". 

Vamos conversar?
Aharom Avelino

YOUTUBE: http://migre.me/wqzQ1

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...